Danilo Avelleda espetáculos teatrais e Cia Máscaras de Teatro apresentam:
Peça dramática com texto de Helena Sut e Danilo Avelleda
e poemas de Marilda Confortin


A porta estava entreaberta, resolvi entrar.... O comentário espirituoso de um dos expectadores dá início à longa jornada pelo pequeno corredor que leva ao palco. Embebida pelas palavras inconfundíveis de Helena Sut e Marilda Confortin, a platéia acompanha os temores, virtudes e segredos de Dionísio e Pilar.

Leia a resenha de Anita Fernandes em http://www.agenciacartamaior.com.br/templates/materiaMostrar.cfm?materia_id=14119&alterarHomeAtual=1
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...